Confira 6 formas de otimizar seu home office

Por Redação IQ 360

Enquanto a quarentena continua sendo uma realidade ao redor do mundo, o home office se mantém como uma das formas mais seguras para se trabalhar. Apesar de muitas pessoas já estarem adaptadas, muitas vezes é difícil manter a concentração ou então aproveitar ao máximo o tempo de trabalho para ter uma boa produção ao longo do dia.

Como forma de ajudar, reunimos algumas dicas de como otimizar e melhorar a sua experiência de trabalhar de casa. Confira:

1. Organize seu espaço de home office

Antes de qualquer coisa, é ideal que você tenha um espaço dedicado ao seu trabalho. Nesse espaço, além do computador, procure ter ao seu alcance todas as coisas que você precisa diariamente, como agenda, bloco de notas, canetas, calendário, depende de cada um. Dessa forma, você não precisará ficar levantando para pegar ou procurar essas coisas e acabar se distraindo.

2. Aproveite os utensílios que tem em casa

  • Sabe aquela televisão da sua sala? Já pensou em utilizá-la como monitor para o seu computador? Pois é, ela pode ser uma ótima pedida para projetar documentos ou arquivos que exigem um detalhamento maior ou para uma videoconferência com muitas pessoas.
  • Se você tem livros sobrando em casa, pode utilizá-los como apoio para elevar o seu computador e deixá-lo em uma altura mais ergonômica para você.

3. Adapte-se ao seus horários mais produtivos

Se o seu trabalho permitir, o ideal é aproveitar o home office para trabalhar nos seus horários mais produtivos. Ao contrário do que muitos pensam, não existe só dois perfis (quem rende mais de manhã e quem rende mais à noite), mas sim quatro! Pelo menos é a teoria de Michael Breus, psicólogo especialista em sono e autor do livro O Poder do Quando.

Segundo ele, as pessoas podem ser divididas em Ursos (são muito produtivos no meio da manhã e um pouco à tarde), Leões (concentram a produtividade toda na parte da manhã), Lobos (produzem melhor à noite) e Golfinhos (têm um sono instável e seu ápice da produção é da metade da manhã até o começo da tarde). É possível descobrir o seu tipo fazendo o quiz!

4. Ajuste seus aparelhos para suas necessidades

Se o seu trabalho se estende até altas horas ou você prefere trabalhar esse horário, é importante que seus aparelhos também estejam ajustados para esses horários. Isso significa ativar o modo noturno tanto no seu celular quanto computador (ou mais utensílios): ele diminui os tons de azul da tela e evita que sua vista fique cansada.

5. Descanse, faz parte

Ter uma boa rotina de trabalho também envolve descanso e distrações, sabia? Mas não é recomendado exagerar e perder totalmente o foco. Para isso, existe uma técnica de gestão de tempo muito conhecida, chama-se Método Pomodoro.

No método Pomodoro, a ideia é que a pessoa organize uma lista de tarefas a serem realizadas ao longo do dia e dividi-las em períodos de 25 minutos, chamados de pomodoros. Durante esse tempo, é preciso ficar 100% focado na tarefa, mas entre eles também muito importante tirar 5 minutos de intervalo para fazer outras coisas como ir ao banheiro ou fazer algo não relacionado à tarefa. Depois de quatro pomodoros, o intervalo é maior: de 15 a 30 minutos. Segundo o método, esses períodos de tempo ajudam a “oxigenar o cérebro” e aumentar a agilidade mental.

6. Durma bem

Desconectar-se do trabalho depois de terminar o expediente e ter uma boa noite de sono também faz parte de uma rotina produtiva. Segundo a Deloitte, várias pesquisas já foram realizadas e provaram que pessoas que dormem pouco ou que estão com problemas para dormir têm dificuldade para aprender, se concentrar e reter informações.