Como cobrar amigos que estão devendo?

Por Redação IQ 360

uma mulher hesitante dando dinheiro para outra

Emprestar dinheiro nem sempre é recomendado, ainda mais se a negociação é feita sem nenhum combinado pelas partes e se quem está precisando do valor não tem um histórico muito confiável. Apesar disso, esses casos são mais comuns do que parecem, ainda mais entre amigos e familiares. E é aqui que a coisa complica: pelo medo de perder o bom relacionamento, muitas pessoas ficam com medo ou não sabem como cobrar quem lhes deve.

SAIBA+IQ: Como pagar meia no cinema sem ser estudante?

 

Cobre de forma leve

Pedir o dinheiro na lata pode ser muito difícil… por isso, se o valor emprestado for mais baixo, uma forma leve de resolver a situação é sugerir que a dívida seja quitada com o pagamento de um almoço, happy hour ou outros eventos.

Apresente sua situação

Na hora de emprestar, o dinheiro em questão poderia estar sobrando. Mas pode chegar o momento em que pode precisar dele de volta. Se a sua situação financeira apertar, seja sincero com seu amigo, contando o momento pelo qual está passando e a urgência que você tem em receber o valor de volta.

Não deixe o assunto morrer

Um fato para quem emprestou dinheiro é: o tempo é seu maior inimigo. Conforme os dias vão passando, é possível que tanto você quanto o seu amigo esqueçam da dívida e cobrar depois de muito tempo pode ser uma situação realmente desagradável. Por isso, tenha um lembrete para avisá-lo da dívida e cobrar o seu devedor!

Ofereça opções de pagamento

Seu amigo pode não ter o dinheiro fisicamente… mas na conta do banco sim! Aqui vale tanto mandar os dados da sua conta bancária, como também se o seu banco tiver essa opção, gerar um boleto no valor da dívida e mandar para ele e até se tiver uma maquininha de cartão em casa, oferecer receber via cartão.

SAIBA+IQ: Qual o melhor curso de finanças pessoais para mim?

Vai emprestar dinheiro? Cuidado!

Antes de tomar essa atitude, é importante tomar alguns cuidados

Avalie sua situação financeira

O dinheiro que você iria emprestar fará falta para você no curto prazo? Se a resposta for positiva, negue o pedido e explique a sua situação. Por via das dúvidas, também é importante considerar a falta que esse dinheiro pode fazer no longo prazo, caso o seu amigo acabe nunca quitando a dívida…

Defina prazos e regras

Você não precisa elaborar um contrato, mas combine algumas diretrizes com o seu amigo. Qual a data limite? A forma de pagamento? Teria algum tipo de juros? Todas essas perguntas devem ser levadas em consideração e são importantes inclusive para o seu amigo poder se organizar financeiramente para poder pagar o que deve.