Coach financeiro: quem é esse profissional?

Por admin

Coach-financeiro

Se você está com problemas financeiros ou já passou por algum perrengue do tipo, deve ter recebido a recomendação de consultar um coach financeiro para lidar com essa questão. Mas afinal de contas, o que faz esse profissional?

Com a ascensão do coach na sociedade brasileira, muitas pessoas ficam em dúvida se os serviços de um profissional do tipo podem ser úteis ou não.

Para ajudá-lo a resolver essas questões, nós montamos um guia sobre tudo que faz o coach financeiro e para quem ele é recomendado. Por isso, siga a leitura até o fim para saber se você pode se beneficiar ou não desse serviço!

O que faz o coach financeiro?

Um coach financeiro é um profissional que aplica uma metodologia específica para ensinar educação financeira ao seu cliente (o coachee). O seu objetivo não é só resolver um problema econômico específico, mas garantir que o cliente adotará hábitos financeiros positivos e possa alcançar as suas próprias metas.

Para alcançar esse objetivo, o coach financeiro divide seu trabalho em dois estágios principais. O primeiro deles é identificar as fontes dos problemas que impedem que o coachee possa ter sucesso financeiro. É nesse estágio que aparecem os problemas de conhecimento financeiro, hábitos negativos e gastos exacerbados.

Depois de trabalhar para consertar os problemas, o coach financeiro passa para o segundo passo, que é construir hábitos positivos e conhecimento para que o coachee possa atingir seus objetivos econômicos, sejam quais forem.

Para quem é recomendado o coach financeiro?

Não é todo mundo que precisa dos serviços de um coach financeiro. No geral, podemos dividir os potenciais clientes desse profissional em dois principais grupos que, normalmente, sobrepõem-se.

O primeiro grupo é o de pessoas com problemas financeiros. São indivíduos que, não importa quanto ganhem de salário ao fim do mês, nunca conseguem poupar nada, sempre gastam mais do que recebem e vivem acumulando dívidas.

Mesmo que essas pessoas tenham conhecimento em economia pessoal, ganhem um bom salário e leiam artigos na Internet explicando como poupar dinheiro, elas simplesmente não conseguem atingir esse objetivo.

Nesse caso, elas se beneficiarão particularmente da primeira fase do serviço do coach financeiro, que irá investigar por que a pessoa não consegue ter uma vida econômica regrada e aplicará sua metodologia para resolver a questão.

Já o segundo grupo de potenciais clientes são as pessoas que têm objetivos e metas financeiras, mas que não sabem como chegar lá. Elas querem, por exemplo, atingir a aposentadoria com uma boa qualidade de vida, comprar uma casa ou investir na Bolsa de Valores, porém, não sabem como fazer isso.

Nesse caso, o serviço do coach financeiro será o de ensinar como o mercado financeiro funciona e aplicar sua metodologia para que o coachee se aproxime da sua meta, seja ela qual for.

Resumo:

  • O coach financeiro é indicado para quem tem problemas em lidar com seu dinheiro;
  • Além disso, também é indicado para quem quer alcançar alguma meta financeira, mas não sabe como.

Quais as principais lições de coaching financeiro?

Para que você entenda mais ou menos o que esperar de uma sessão com um coach financeiro, listamos abaixo algumas das principais lições que os profissionais da área transmitem para os seus coachees. Confira!

É necessário ter visão sistêmica

Um dos principais ensinamentos do coach financeiro é que nossa vida econômica é sistêmica. Isso significa que ela obedece a padrões de comportamento, com causas e consequências bem definidas.

Por exemplo, se gastamos acima da conta em um mês, temos prejuízo e precisamos tirar o dinheiro para arcar com isso de algum lugar. Sem conseguir pagar, a dívida incorre em juros, o que a torna maior no mês seguinte, quando fica ainda mais complicado de quitar os compromissos.

Ao mesmo tempo, se houver uma economia em um mês, é possível investir o dinheiro que sobrou. Essa aplicação se valoriza com o tempo, gerando mais dinheiro, que pode então ser reinvestido.

Ao entender a visão sistêmica da vida financeira e como cada ação tem uma causa e gera uma consequência, fica mais fácil compreender as lições para ter maior sucesso econômico.

Entenda os seus gastos mensais

Muitas pessoas acreditam que as dívidas surgem de gastos exorbitantes que acontecem em arroubos de consumismo. No entanto, não é a TV, a geladeira ou o smartphone que mais causam dívidas, mas sim os pequenos gastos.

Por exemplo, um doce de R$5,00 depois do almoço todos os dias equivale a R$150,00 no final do mês. Em um ano, são R$1.800,00. Por isso, é importante fazer uma avaliação concreta e usar uma planilha de gastos para entender o que é essencial, o que é necessário e o que pode ser cortado sem prejuízo para a sua qualidade de vida.

Faça um planejamento financeiro

Uma das principais lições de todo coach financeiro é que o coachee precisa de um planejamento financeiro para alcançar as suas metas de curto, médio e longo prazo. Esse plano deve ser montado após uma análise criteriosa da realidade e das suas finanças atuais, sempre seguindo uma lógica de construção.

Por exemplo, não dá para planejar fazer um investimento primeiro para comprar uma casa e só depois pensar em pagar as dívidas. É preciso inverter a ordem: primeiro limpar o terreno para poder construir um patrimônio depois.

Busque novas fontes de renda

Outra lição comum da metodologia de coaches financeiros é buscar novas fontes de renda para o seu orçamento mensal, caso isso seja possível. Em alguns casos, isso se traduz na venda de roupas e objetos usados ou mesmo em empreender com alguma habilidade específica.

A intenção dessa lição é aumentar o fluxo de renda para que o coachee possa atingir seus objetivos mais rapidamente, uma vez que conseguirá aumentar a sua capacidade de poupança e investimentos.

Coloque o dinheiro para trabalhar

Por fim, o coach financeiro ensinará maneiras de colocar o dinheiro para trabalhar pela pessoa, rentabilizando-o em aplicações financeiras (de Renda Fixa ou Renda Variável, dependendo do perfil do coachee).

É o caso da visão sistêmica: quanto mais dinheiro ganhar, maior é o volume de investimentos. Consequentemente, maior será o lucro do investimento, o que permitirá poupar ainda mais.

Quanta coisa, não é mesmo? Agora você já sabe para que serve o coach financeiro e pôde descobrir se é um serviço que faz ou não sentido para você. Dessa maneira, você conseguirá começar a organizar sua vida financeira da melhor forma possível.

Gostou das dicas? Então, entre no site do iq e confira outros conteúdos sobre finanças pessoais.

As informações foram úteis?

0 / 5 (0 avaliação)