Diferenças entre crédito e débito: entenda as principais

Por Redação IQ 360

Crédito ou débito: entenda as principais diferenças

Ter cartões faz parte da realidade de quase todas as pessoas, já não é comum sair para realizar compras carregando grandes quantidades de dinheiro em espécie. Ainda que o uso do cartão seja comum, a decisão entre usar a função crédito ou débito pode ser difícil.

Nem todas as pessoas sabem quais são as diferenças que existem entre crédito e débito e, por isso, não conseguem medir as vantagens e desvantagens entre eles. 

Entender as principais diferenças entre crédito e débito permite aproveitar ao máximo as vantagens e manter maior controle financeiro.
Descubra aqui tudo o que precisa saber sobre os dois tipos de cartões e aumente o controle do seu orçamento e sua organização financeira.

Saiba como ser aprovado para um cartão de crédito!

Confira dicas exclusivas no ebook iq para aumentar as chances de ser aprovado para um cartão de crédito

E-mail enviado com sucesso.

Diferenças entre crédito e débito

Já comentamos em um de nossos artigos as diferenças entre as tarifas, prazos de pagamento, parcelamentos e pontuação que existem no uso dos dois tipos de cartão. 

No entanto, esses não são os únicos elementos que fazem as duas opções diferentes:

Cartão de crédito

Entender a diferença entre os dois tipos de cartões é preciso entender que o cartão de crédito funciona, basicamente, como um processo de empréstimo. O banco ou operadora de cartão realiza o pagamento para a loja e o pagamento do empréstimo é feito por meio das parcelas.

O limite do cartão funciona como o valor do empréstimo que você adquiriu, nessa analogia, de forma que você não tem acesso, exatamente, ao dinheiro, porém a uma linha de crédito pré-aprovada.

O pagamento por parcelas é o grande diferencial e vantagem dessa possibilidade, mas é importante lembrar que, de um jeito ou de outro, você terá que pagar o que utilizou.

Cartão de débito

O cartão de débito, ao contrário do crédito, funciona como um pagamento em dinheiro e está ligado a uma conta bancária. Se você não possui dinheiro na conta não poderá realizar a compra.

Ao usar o cartão de débito o pagamento é feito na mesma hora e o valor da compra é descontado da sua conta bancária. 

Ainda que seja como pagar em dinheiro, oferece a vantagem de não ter que fazer saques da conta corrente e se arriscar andando com dinheiro vivo.

Quais as desvantagens de usar o cartão de crédito e débito?

Ainda que, observando as diferenças entre crédito e débito, seja natural pensar nas grandes vantagens que as opções oferecem em relação ao dinheiro vivo, fazer o bom uso dos cartões depende de entender que eles também têm algumas desvantagens. Veja as principais:

Cartão de crédito

Cartões de crédito oferecem uma grande desvantagem em relação a qualquer outra forma de pagamento: os juros cobrados. 

Existem diversas taxas e tarifas a serem pagas pelo uso do crédito, além dos cobrados pelos estabelecimentos quando oferecem a opção de parcelamento.

Além disso, o atraso de parcelas pode gerar ainda mais juros, aumentando o valor pago consideravelmente de um mês para outro. Geralmente, é nesse ponto em que as pessoas acabam entrando em problemas grandes e ter que recorrer a negociação de dívidas do cartão de crédito, o que pode ser uma grande dor de cabeça.

É preciso, ainda, estar sempre atento ao limite do cartão. Falta de organização e controle financeiro pode te fazer estourar o limite e gerar os mesmos juros e problemas com dívidas que o atraso no pagamento de parcelas.

Cartão de débito

A principal desvantagem do cartão de débito é a impossibilidade de parcelamento, além de não oferecerem muitos programas fidelidade ou benefícios para os usuários.

Como o dinheiro sai da sua conta imediatamente, pode ser fácil perder o controle de gastos, o que é uma desvantagem se você decidir utilizar o débito para pagar contas com valores altos.

Principais cuidados ao escolher entre cartões de crédito e débito

Cada situação pode ser mais ou menos vantajosa para utilizar um cartão de crédito ou débito e exige alguns cuidados. 

No geral, as preocupações e cuidados principais estão relacionados ao controle dos gastos, segurança e menos taxas.

Veja aqui algumas situações que devem ser consideradas e que cuidados elas exigem:

Compras grandes

Nesse caso, é sempre melhor recorrer aos cartões de crédito. A possibilidade de parcelamento garante melhores condições para administrar o gasto, não retirando um volume grande de dinheiro de uma vez do seu orçamento mensal.

Claro, é preciso ter cuidado para não perder o controle e comprometer o orçamento dos meses seguintes pagando essa dívida.

Lojas físicas para pequenas compras

Se você tem o dinheiro em mãos, para que gerar uma dívida a ser paga no mês seguinte? Esse é o maior cuidado a se ter com compras de pequeno valor e o que faz o cartão de débito ser a melhor opção.

Evitar o cartão de crédito nesses casos garante um maior controle de gastos, já que o parcelamento de várias pequenas compras pode se tornar um valor alto a ser pago no mês seguinte.

Aproveite descontos

Existem muitas lojas que oferecem uma redução no preço quando o pagamento é a vista. Esse desconto pode ser aproveitado com um pagamento no débito, de forma que você tem vantagens na negociação de compra sem ter que andar com dinheiro no bolso.

Compras internacionais

Esse é um tipo de compra que, em geral, é feito no cartão de crédito. Aqui, não falamos só de compras on-line, mas também em situações de viagens. Verifique se seu banco disponibiliza a função cartão de crédito internacional, pode te ajudar muito a aproveitar melhor a viagem não ter que trocar dinheiro vivo a todo momento.

No entanto, tome cuidado. A facilidade de ter um cartão de crédito internacional é grande, mas só é uma vantagem se você tiver controle dos seus gastos para não gerar faturas que será incapaz de pagar nos meses seguintes.

Compras on-line

Aqui o cuidado deve ser grande tanto para cartões de débito quanto de crédito. Decidir sobre qual usar depende do valor da compra, dos benefícios, pontos e descontos oferecidos e das taxas de juros de cada loja. O importante mesmo é verificar a confiabilidade das páginas.

Colocar dados bancários em plataformas da internet é sempre um risco de segurança, então é preciso sempre estar atento.

Quais são cuidados ao utilizar os cartões de crédito

O principal cuidado ao se utilizar um cartão de crédito é com o valor das faturas. Ainda que parcelar pagamentos seja uma ótima forma de realizar compras com custo alto e sempre exista a possibilidade de conseguir parcelamentos sem juros, a fatura chega no mês seguinte.

Perder o controle dos parcelamentos e acabar com uma fatura de cartão muito alta é um dos principais problemas de quem usa esse tipo de pagamento. 

As taxas de juros de cartões de crédito são grandes, especialmente em caso de atraso, como já comentamos anteriormente.

Tome cuidado com o valor gasto no limite do cartão, tenha controle de quanto será a fatura do mês seguinte para ter dinheiro e não perca a data de vencimento, fugindo dos juros por atraso.

Outro cuidado essencial é estar sempre atento ao melhor dia de compra. Esse dia é a data de fechamento da fatura, ou seja, todas as compras realizadas a partir dessa data serão cobradas só na fatura seguinte, te dando cerca de 10 dias a mais antes do pagamento.

Cartões de crédito e débito na organização das suas fianças

Usar cartões é uma boa forma não só de realizar as compras que você precisa ou deseja, mas pode ser uma boa maneira de organizar melhor seus gastos. Entender a diferença entre crédito e débito permite saber como escolher entre as duas formas de pagamento e conseguir as melhores vantagens nas compras.

Controlar gastos, saber quando e quanto pagar no mês seguinte, controlar a entrada e saída de dinheiro da conta corrente, essas e outras vantagens só são possíveis com um uso consciente de seus cartões.

Quer aprender a usar seu cartão e controlar suas finanças de maneira eficiente? Acompanhe as dicas e serviços preparados por iq especialmente para atender suas necessidades.