Construcard vale a pena?

Por admin

A Caixa Econômica Federal oferece um crédito que pode ser utilizado na compra de materiais de construção. Mas será que utilizar o Construcard vale a pena? Bom, qualquer tipo de financiamento deve ser feito depois de um bom planejamento, pois, além dos juros, o prazo para pagamento é bem extenso.

Além disso, um financiamento oferece vantagens e desvantagens e, por isso, antes de assumir um compromisso desses, é preciso analisar se há mesmo necessidade.

Neste post, vamos explicar o que é o Construcard, se vale a pena utilizar esse tipo de crédito, entre outras informações importantes. Vamos lá?

Saiba como ser aprovado para um cartão de crédito!

Confira dicas exclusivas no ebook iq para aumentar as chances de ser aprovado para um cartão de crédito

E-mail enviado com sucesso.

O que é o Construcard?

O Construcard é uma linha de crédito imobiliário oferecida pela Caixa Econômica Federal. Esse tipo de empréstimo é voltado para a compra de materiais de construção para reformas, ampliações e para a construção da casa própria.

O crédito só pode ser solicitado para quem vai construir ou reformar um imóvel residencial, e é uma ótima opção para quem possui um lote, mas não tem recursos para arcar com as despesas da construção do imóvel.

O Construcard também pode ser utilizado para pequenas reformas, como ampliação do imóvel, pinturas, fazer o acabamento da casa etc.

Construcard vale a pena?

Para saber se o Construcard vale a pena, é preciso analisar os prós e contras do financiamento. Como todo e qualquer empréstimo, ele tem taxas de juros, que são relativamente mais altas do que de um financiamento imobiliário. Além disso, o prazo também é menor.

A seguir, vamos mostrar alguns pontos que devem ser analisados antes de recorrer a esse tipo de crédito. Veja!

Limite de crédito

O crédito do cartão Construcard é liberado de acordo com a renda do solicitante, e varia entre R$ 1.000,00 e R$ 180.000,00, que é um valor bem mais baixo do que o limite de crédito para comprar a casa própria.

Como acontece nas linhas de crédito imobiliário para compra de imóvel pronto, o Construcard é liberado após o banco analisar a documentação do cliente. Então, antes de solicitar o empréstimo, é preciso levar comprovante de renda, residência, documentos de identidade e outros papéis que comprovem a veracidade das informações fornecidas.

Isso porque o banco só libera crédito se tiver garantias de que vai receber o pagamento pelo empréstimo. Por isso, pode pedir alienação de imóveis, de carros, aplicação financeira e caução de depósito.

Vale lembrar que, no caso de alienação de imóvel e alienação de carro, o cliente perde o bem, caso não consiga pagar as parcelas do financiamento.

Prazo para utilização do Construcard

Depois que o crédito é liberado, você tem até 2 meses para utilizar o dinheiro. Aliás, vale lembrar que a Caixa não cede o dinheiro, mas disponibiliza um crédito que pode ser utilizado para compra de materiais de construção em lojas conveniadas.

A questão do prazo de utilização do crédito é muito importante, pois tem obras que demoram bem mais de 2 meses para serem concluídas.

Então, se você quer contratar o Construcard, deve planejar bem a construção de sua casa e comprar todos os materiais dentro do prazo estabelecido.

No entanto, na hora de contratar o crédito, você tem a opção de escolher se vai utilizá-lo em até 2 meses ou em 6 meses.

Prazo paga pagamento

O pagamento do empréstimo pode ser feito em até 240 meses, ou seja, 20 anos, o que não é um prazo tão curto e nem tão longo como no caso de crédito para compra da casa própria.

A vantagem é que o cliente tem carência de até 6 meses para começar a pagar as parcelas do financiamento.

Vale ressaltar ainda que, mesmo que o banco ofereça a opção de pagar em até 240 meses, após a análise da documentação e do valor liberado, o prazo de pagamento pode ser menor.

Taxa de juros

A taxa de juros não é baixa e, atualmente, está em 2,5% ao mês. Mas quando o cliente oferece garantias com imóveis ou carros, essa taxa pode ser menor. Vale lembrar que, em um financiamento de 240 meses, uma taxa de 2,5% ao mês sai bem alta.

Por isso, é importante analisar muito bem a necessidade de contratar o Construcard.

Quem pode utilizar o Construcard?

Para utilizar o Construcard, é preciso ser maior de 18 anos e ter conta corrente na Caixa. Além disso, o cliente deve passar por uma análise de crédito e ser aprovado. O cliente ainda deve ter imóvel em seu próprio nome ou alugado, e ter como comprovar renda.

Vale a pena utilizar o cartão para Construção?

O Construcard vale a pena se você tem um lote e quer construir sua casa, mas não tem os recursos necessários. A vantagem do financiamento, nesse caso, é que você constrói o imóvel rápido e fica livre do aluguel, caso more em imóvel locado.

No caso de reformas e ampliação do imóvel, o uso desse tipo de crédito também é bastante útil. A única desvantagem é que, com o Construcard, você não pode pagar a mão-de-obra como pedreiros, pintores, engenheiros, arquitetos, eletricistas e outros tipos de profissionais necessários em uma obra. Isso porque a Caixa não libera dinheiro, apenas crédito para comprar em lojas conveniadas.

Então, como a mão-de-obra é um dos custos mais altos de uma construção, você deve recorrer a outros meios para pagar pelo serviço. Nesse caso, você deve fazer um planejamento financeiro primeiro, para ter a quantia em mãos antes de começar a construção ou reforma.

Para ajudar você a se organizar financeiramente, você pode utilizar os serviços da iq. A empresa oferece soluções digitais para você ter um controle de seu dinheiro e fazer um planejamento eficiente para construção ou reforma de seu imóvel.

Como você viu, o Construcard vale a pena em diversas situações nas quais você precisa construir, reformar ou ampliar seu imóvel. Mas é preciso recorrer ao empréstimo ciente das taxas de juros e lembrar que você não pode comprometer mais que 30% de sua renda com as parcelas.

Gostou do post sobre Construcard? Que tal conferir agora algumas dicas básicas para organizar sua vida financeira?