Cartão de crédito consignado: saiba o que é e se vale a pena ter um

Por Redação IQ 360

Cartão de crédito consignado

Os cartões de crédito consignado apresentam benefícios que não são encontrados nos modelos tradicionais.

Pensando nisso, separamos, neste texto, tudo o que você precisa saber sobre cartão de crédito consignado e se realmente vale a pena ter um.

Qual a diferença entre cartão de crédito comum e cartão consignado?

Os cartões de crédito consignado se diferem bastante dos modelos comuns normalmente encontrados por aí. A principal diferença é na forma de cobrança. Enquanto no tradicional temos o boleto, que chega mensalmente com um valor mínimo e máximo de pagamento para quitar a fatura, o consignado opera de forma diferente.

Aqui, o valor mínimo é descontado diretamente do contracheque do usuário. Acontece que as parcelas do crédito ou empréstimo consignado são vinculadas ao salário do indivíduo. Dessa forma, o desconto é mensal e automático, além de contar com juros menores, já que esse modelo apresenta menos risco para as instituições financeiras.

Confira as principais diferenças entre o cartão de crédito consignado e o modelo tradicional.

Anuidade

A anuidade é uma taxa um tanto quanto controversa. Muitas pessoas questionam a sua finalidade e se recusam a pagá-la. Ela funciona como um meio de garantir a manutenção da conta e do cartão. Ainda assim, muitos deles vêm com ela diluída nas faturas anualmente.

Um cartão de crédito consignado, na maioria dos cenários, é isento dessa taxa. Como nesse modelo o banco conta com uma segurança maior contra a inadimplência, existem instituições que não cobram a anuidade dos seus clientes.

Limites de crédito

Existem diversos cartões de crédito que oferecem um limite considerável aos seus clientes, sem levar em consideração a renda mensal deles. Ainda que o valor seja um ponto que varia bastante de uma instituição financeira para a outra, os cartões consignados funcionam de uma forma diferente na hora de ter o seu limite determinado.

Como esse modelo de crédito funciona com vínculo ao salário do indivíduo, o limite também é proporcional a esse valor. Além disso, as instituições financeiras também consideram o prazo de pagamento.

Taxas e tarifas

As taxas e tarifas de cartões de crédito são um ponto que assusta muita gente. Perder o controle pode prejudicar seriamente a sua saúde financeira, principalmente quando o valor cobrado é muito alto. A média, nos modelos tradicionais, varia entre 12% a 15% ao mês, o que pode encarecer e muito uma dívida.

Já os cartões de crédito consignado contam com taxas mais em conta para o bolso dos clientes. Variando de acordo com o banco, elas ficam em torno de 3% a 3,5% ao mês. Assim, é possível evitar com que a bola de neve das dívidas não cresça a ponto de se tornar um grande problema.

Conheça os melhores cartões sem anuidade

Confira nosso guia completo!

E-mail enviado com sucesso.

Quais são os prós e contras de um cartão consignado?

Agora que você viu as principais diferenças entre o cartão de crédito tradicional e o consignado, separamos as vantagens e desvantagens desse modelo. Confira!

Vantagens

Um cartão de crédito consignado conta com a praticidade de ter o valor mínimo da fatura descontado diretamente do salário ou benefício do INSS do portador. Isso acaba facilitando todo o processo de pagamento para quem tem pouco tempo. Para conseguir um cartão desse, não é necessária uma consulta ao SPC/Serasa.

Além disso, como já falamos, as taxas são muito mais atrativas, evitando problemas com dívidas. Outro ponto de destaque é que é possível realizar saques normalmente, variando de acordo com o banco da sua escolha. Também, existem instituições financeiras que trabalham com programas de fidelidade, possibilitando acumular pontos para trocar por benefícios.

Desvantagens

Apesar das incríveis vantagens que o cartão de crédito consignado oferece, ele ainda apresenta alguns riscos que valem a pena prestar atenção. Apesar das taxas baixas, ter esse tipo de cartão abre margens para risco de endividamento. Dessa forma, é preciso ter controle financeiro para não se prejudicar futuramente.

Além disso, existem pessoas que podem desgostar do fato que o crédito consignado é descontado automaticamente. Por isso, apesar de ser vantajoso para alguns, outros podem ficar insatisfeitos com isso.

Quem pode solicitar um cartão de crédito consignado?

É importante ressaltar que apenas grupos selecionados podem contar com um cartão de crédito consignado. Assim, caso você esteja procurando a independência financeira e precisa de um, procure formas de encontrar o melhor tipo de cartão para as suas necessidades

A solicitação do cartão de crédito consignado vai depender se o solicitante é pertencente a algumas categorias únicas, como aposentados e pensionistas ou funcionários de empresas privadas. Por isso, é importante conferir com a instituição financeira de antemão, para se certificar se é possível fazer essa solicitação.

Como solicitar um

Para realizar a solicitação de um cartão de crédito consignado, além de documentos básicos, como RG, comprovante de residência, CPF, é necessário um a mais no processo. Para tanto, o interessado precisa também apresentar um comprovante de renda atualizado para conferir a disponibilidade do serviço.

Além disso, a solicitação desse tipo de cartão de crédito conta com algumas regras diferentes do modelo tradicional. Mesmo negativados são capazes de conseguir um cartão consignado, porém, só é possível emitir um por CPF. Outro ponto de destaque é que, aqui, não é realizada nenhuma análise de histórico de dívidas do cliente.

Saiba tudo sobre cartões de crédito

Ter uma linha de crédito é uma forma de ser independente financeiramente. Por isso, contar com o melhor cartão é certamente a liberdade que muitos procuram. O comparador de cartões é a forma mais segura e eficiente de encontrar exatamente o que você precisa.

Agora que você já sabe tudo sobre cartão de crédito consignado, procure contar com o auxílio de uma empresa especializada na hora de organizar as suas finanças. O Iq conta com ferramentas que permitem você aproveitar ao máximo os seus cartões, evitando contas atrasadas e dívidas.