Saiba tudo sobre o cartão consignado Credfácil

Por Redação IQ 360

2ª via Algar Telecom

Os cartões de crédito consignados têm atraído cada vez mais clientes, especialmente por suas condições diferenciadas como isenção de anuidade e juros baixos. E a concorrência tem movimentado ainda mais esse mercado.

Uma das opções é o cartão consignado Credfácil. Confira, neste post, como ele funciona e o que oferece aos seus clientes.

O mercado de cartões de crédito

O cartão de crédito é uma solução financeira que pode ser muito útil em diferentes oportunidades. Com ele é mais fácil, por exemplo, antecipar uma compra e parcelar os pagamentos em milhares de estabelecimentos.

Além da segurança e da disponibilidade de recursos para realizar suas compras, o cartão de crédito é mais prático, já que você não precisa carregar dinheiro sempre. Além disso, apresenta a vantagem de poder converter parte do que se gasta em bônus e benefícios oferecidos pelas operadoras, por meio de programas de fidelidade.

O dinamismo do mercado de cartões de crédito garante opções para os mais variados perfis, com condições diferenciadas. Mas é preciso cuidado no gerenciamento desses cartões. Assim como auxiliam a vida financeira, eles podem se transformar em um problema se utilizados incorretamente.

É importante não contar com o limite do cartão de crédito para as despesas do mês e evitar ao máximo pagar apenas o valor mínimo da fatura para não perder o controle.

Cartões de crédito consignados

Uma modalidade que vem crescendo bastante no mercado de crédito é a dos cartões consignados. Trata-se de um produto direcionado a um público bem específico: servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

A principal característica dos cartões de crédito consignados é que a fatura é cobrada diretamente no contracheque ou descontada na conta do usuário. No restante, especialmente na forma de utilização, é semelhante a um cartão de crédito comum.

Entre as vantagens do cartão consignado em comparação ao cartão comum, estão a isenção da anuidade e as taxas de juros mais baixas, com teto de 3,36%. Nos cartões comuns, os juros costumam ser superiores a 12%.

Além disso, também é possível utilizar o cartão de crédito consignado para operações de saques. Embora essa possibilidade seja uma vantagem para o cliente, é recomendável que se utilize esse benefício com parcimônia. Do contrário, o seu uso indiscriminado pode comprometer as finanças do usuário.

Por lei, o usuário pode utilizar até 35% de sua renda com os créditos consignados. Deste montante, 5% destina-se, exclusivamente aos cartões de crédito. Esses limites foram estabelecidos para proteger os rendimentos dos clientes, evitando um comprometimento elevado.

Como o desconto em folha cobre apenas o valor mínimo da fatura, muitos clientes ignoram a diferença com o total dos gastos, que precisa ser paga por meio de fatura, o que pode se transformar em uma verdadeira bola de neve.

Saiba tudo sobre o Cartão Consignado Credfácil

O consignado Credfácil é um cartão de abrangência nacional, direcionado a funcionários públicos, aposentados e pensionistas. Entre os benefícios que oferece aos seus clientes, estão a isenção total de anuidade e a disponibilidade de crédito pré-aprovado.

Com o cartão de crédito consignado CredFácil, os clientes podem realizar o pagamento de suas contas de consumo, como água, luz e telefone, além de outros tipos de fichas de compensação. Dessa forma, o usuário quita seus débitos e o desconto em folha do cartão de crédito pode ocorrer em até 40 dias, dependendo do dia do pagamento. O cartão pode ser utilizado tanto para compras quanto para saques.

A taxa de juros do cartão consignado CredFácil é a partir de 3,06%. E, como nos demais cartões de crédito consignado, sua liberação não está sujeita à consulta de serviços de proteção de crédito como SPC ou Serasa.

Quem pode solicitar o cartão

Como todos os cartões de crédito da modalidade consignada, o CredFácil é direcionado apenas a servidores públicos federais de alguns estados, aposentados que recebem pelo INSS e para pensionistas.

Confira as principais características do Cartão Consignado CredFácil

  • Anuidade: não cobra;
  • Taxa de juros: a partir de 3,06% ao mês;
  • Renda mínima: salário mínimo;
  • Abrangência: nacional;
  • Bandeira: Mastercard e Visa;
  • Possui programa de benefícios: sim.

Benefícios gerais

Valor mínimo da fatura descontado diretamente em folha de pagamento, até o limite de 5% dos rendimentos;

Fatura com até 40 dias para o pagamento;

Permite o pagamento de contas de consumo (água, luz, telefone etc.) além de outras fichas de compensação.

Desvantagens

Não tem programa de fidelidade.

Como solicitar o cartão CredFácil

É possível solicitar o cartão consignado por meio do site da CredFácil. Os canais para entrar em contato com a operadora são:

  • E-mail: canaldigital@emprestimoscredfacil.com;
  • Central de Informações, que atende pelos números: 0800 015 1111 ou 0800 015 1313 (ambos para clientes da cidade de São Paulo e Grande São Paulo). Já para quem está no litoral paulista, o número é o 0800 015 1212.

A CredFácil Soluções Financeiras disponibiliza, ainda, três unidades de atendimento, todas no estado de São Paulo, com os seguintes contatos:

  • Peruíbe: telefone (13) 3453-6810 e WhatsApp (13) 9.9728-9917;
  • Guarulhos I: (11) 2087-0870 e WhatsApp (11) 9.3353-3241;
  • Guarulhos II: (11) 2087-0440 e WhatsApp (11) 9.3353-3241.

Confira o que o iq pode fazer por você

O iq é uma empresa especializada em auxiliar as pessoas a controlarem suas finanças. Ele ajuda você a organizar seus principais gastos com água, luz e gás, e efetua o pagamento a partir do seu cartão de crédito, de forma 100% automática.

Além disso, o iq ajuda você a tomar as melhores decisões financeiras, seja por meio de seus conteúdos ou por meio de ferramentas como os comparadores, que auxiliam a escolher qual o melhor cartão de crédito a utilizar ou qual o melhor carro comprar.

Neste texto, foram apresentadas as principais características do cartão consignado CredFácil, mais uma opção de cartão de crédito voltada para servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS.